Domingo, 15 de Fevereiro de 2009

Ítaca (2009)

Percorro caminhos sem rumo definido

procuro descobrir um lugar para ficar

onde tudo na vida faça algum sentido

e o meu ser alcance um novo patamar

 

preciso encontrar esse efémero espaço

é grande mister abraçar nova energia

ganhar outros hábitos, novo compasso

desfazer-me desta perniciosa letargia

 

pretendo outras cores e frescos brilhos

quero novos resplendores, outros sóis

que iluminem uma existência refeita

 

vou libertar-me nestes inócuos trilhos

aonde não existem vilões nem heróis

e aproximar-me de uma vida perfeita

 

tags:
publicado por manu às 10:59
link do post | comentar | favorito
|
38 comentários:
De cateespero a 15 de Fevereiro de 2009 às 11:18
Amigo!
Passei e li… Bom Domingo! Abraço! António

De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 11:26
Amigo António! E ainda bem que o fez. Abraço e bom domingo.
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 13:16
E cá estamos nós com as nossas "pequenas utopias" ... ou construções? :)
Abraço grande.
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 14:39
Em busca de uma Ítaca pessoal
como Ulisses após a Odisseia
talvez encontre a ilha especial
que o meu ser há muito anseia

Abraço.
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 15:23
:) E parece-me ver, de novo, António de Sousa, (o meu avô poeta) em busca da sua Ilha de S. Nunca...
Um grande abraço.
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 15:46
Ítaca, ilha de S.Nunca, Torcifal
independente do nome que se dá
sempre se deseja esse lugar especial
que até pode não existir por cá
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 16:09
Pode até nem existir,
Ser fruto do nosso querer,
Mas havemos de lá ir
A voar até morrer! :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 16:37
Pode até ser mito essa ilha
mas de a procurar não cesso
só aquele que mais palmilha
obtém o que quer com sucesso
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 16:41
E afinal o que é real?
Aquilo que já está feito
É só parte de um total
Que ainda não está perfeito... :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 16:51
Porque a perfeição não existe
não devemos cessar a procura
aquele que por defeito desiste
mais perto fica da real loucura
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:39
Nunca cessemos, então,
Nós, eternos viajantes,
Desta infinda construção
Sobre aquilo que era dantes! :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:44
Construamos um mundo novo
onde reine sobretudo a poesia
e que se possa ver esse povo
desfrutar desta nossa alegria
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:55
Hoje e também amanhã
Haveremos de dizer
Que esta luta não foi vã
Nem foi vão o nosso qu`rer! :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:59
E o triunfo será "nosso"
dos poetas da blogosfera
já nem sei como posso
aguentar tanta espera

De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 21:03
E eu também estou à espera,
De verdade, verdadinha!
Ai, Manu, quem me dera
Que fosse já à tardinha..

Continuo sem perceber, Manu... sou mesmo só uma e assim pr`ó velhote... :(
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 21:10
E a amiga ainda se queixa
de não entender o que digo
pareço mais uma gueixa
que muda muito de amigo
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 21:26
Estou a ver que não é justo...
Mas é tudo brincadeira!
Com isso já nem me assusto!
Escrevo de qualquer maneira! :))
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 21:32
Se não fosse pela diversão
que piada tinha estar aqui?
sou apenas um na multidão
e acho que nada perdi

é fantástico este frenesim
obriga a raciocinio veloz
se tudo na vida fosse assim
quão felizes seríamos nós?
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 22:55
Eu peço desculpa, amigo,
Tive de ir até à rua...
Fui com os cães ao abrigo
Desta encantadora lua... :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 23:07
são tarefas que se cumprem
por quem é de si dependente
não são bichos que se culpem
sendo quase como a gente

De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 23:12
E são capazes de amar,
Capazes de me entender...
Gosto muito de lhes dar
Todo o amor que eu puder! :)
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 23:20
sei do que fala a poetisa
já tive animais de estimação
a sua afeição é precisa
ou haverá uma rebelião
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2009 às 23:24
!!!
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 23:30
De Vera(DespertardoSer) a 15 de Fevereiro de 2009 às 13:39
Oi Manulo

Gostei muito de ler este poema.
Senti-me parte dele.

Abraço.
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 14:42
Olá Vera!

Todos temos uma Ítaca por alcançar
um lugar no mundo que é só nosso
apenas temos de o tentar encontrar
e acreditar com fé na palavra "posso"

Abraço.
De Vera(DespertardoSer) a 15 de Fevereiro de 2009 às 13:41
Manu

O DespertardoSer está nascendo aos poucos.
Só não está em blog, mas está nascendo.

Abraço
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 14:46
E quando esse despertar acontecer
aqui estarei para as boas vindas dar
quero ver esse espaço que vai nascer
e sentir a luz do seu próprio brilhar

Abraço.
De rosafogo a 15 de Fevereiro de 2009 às 17:55
Procurar paraíso na terra?!
É aqui neste lugar!
Que tanta beleza encerra!
E onde as emoções vão perdurar.

Aqui dá vontade de permanecer
E tudo o resto esquecer.
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 18:05
Aqui não é bem o paraíso
embora tente ser acolhedor
faz-se tudo o que é preciso
para à poesia dar valor

obrigado pela sua simpatia
nos elogios busco motivação
mas tanto eu não merecia
o que escrevo é inspiração

Abraço
De rosafogo a 15 de Fevereiro de 2009 às 18:24
Neste espaço ameno há quietude
E muita e brilhante inspiração!
Onde me abandono amiúde
Para refrescar o coração.

Venho bem devagarinho
Sem nenhuma permissão!
Deixo um pouco de carinho
Regresso com menos solidão.
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 19:15
E deste lugar leva a retribuição
do carinho que aqui me deixa
encontrará sempre inspiração
aqui e ali uma e outra queixa

estou sempre pronto para rimar
da poesia jamais me desfaço
tudo o que aqui pode encontrar
é fabricado para este espaço

acho que encontrei nova parceira
para as ocasionais desgarradas
e vão duas, isto vai ser divertido

aqui usa-se a poesia na brincadeira
para relaxar as pessoas cansadas
das coisas mais sérias sem sentido

não era para ser assim mas o I.E. tem estado a comer todos os sonetos que escrevo
De rosafogo a 15 de Fevereiro de 2009 às 19:34
Rima, o vento a espalha no ar
Surge-nos original como a Vida
Rimamos à chegada do luar
ou perante a Lua emudecida!

Agora que o Sol baixou
É bom entrar na parceria
Se o dia nos abandonou!?
Que seria de nós sem a poesia?!

Em tudo eu julgo vê-la
Ela nos dá Liberdade!
Cai no nosso céu como estrela
E se acaba, fica a saudade.

De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 19:55
Este património cabe a nós preservar
há muitos poetas que lutam pela poesia
se depender de nós não hão-de findar
Lusiadas para ao povo dar nova alegria

Mesmo sendo eu um aprendiz de poeta
faço o que posso, como posso e sei
mesmo sem ter o dom faço de profeta
a poesia devia estar consagrada na lei
De inoutyou a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:18
Amigo Emanuel,

Encontrar nosso cantinho, nosso lugar,
é por vezes entrar num eterno labirinto
podemos entrar, armar a tenda e ficar
mas porto seguro neste nosso recinto,
só em poemas, ainda que viver seja sonhar

Abraço
Alex
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:24
Amigo Alex!

Que o nosso porto seguro
seja como a nossa poesia
odes para um melhor futuro
muita paz, amor e alegria

Abraço.
De rosafogo a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:31
Se é apenas aprendiz
Quem dera! Nunca chegarei!
Mas â lei digo «Bis»!
Poeque poesia é Grei!
De manu a 15 de Fevereiro de 2009 às 20:40
A sorte que tive eu grito ao mundo
de uma paixão eu retiro meu prazer
dou o que tenho em mim, mais fundo
acima de tudo amo a poesia e escrever

faço uso não de um dom mas da vontade
nas minhas palavras e frases acredito
sem a escrita eu seria apenas metade
o que sou não é segredo, está escrito

Comentar post

.mais sobre mim

.contador

Counter Stats
gold coast link
gold coast link Couter

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários

.geocounter