Terça-feira, 5 de Maio de 2009

Artistas nas obras (2009)

Quem me vê, apenas vê a carapaça

olha-me e faz o seu diagnóstico

não sabe o que na cabeça se passa

e depois falha o prognóstico

Quem vê caras, não vê corações

a maioria vive no preconceito

desconhece as minhas aptidões

ignora o que eu tenho feito

Quem me vê, não repara no EU

aposta e faz o seu vaticínio

após me conhecer, já aconteceu

só fala do seu grande fascínio

Mas porque ficam assim admirados

por eu escrever a minha poesia?

poetas não nascem consagrados

todos foram aprendizes um dia

Sou poeta na construção civil

assim chamado pelos companheiros

sou das obras mas não sou um imbecil

tenho mais verbo que os engenheiros

Como eu, há mais de uma centena

que em outras artes são artistas

soldados anónimos sem tempo de antena

e que raramente dão nas vistas

Todos conhecem as suas profissões

mas ignoram o seu real valor

um artista não tem habilitações

nem é menos dotado que um doutor

Há músicos, dançarinos e cantores

muitos talentos na artes plásticas

há novelistas, poetas e escritores

operários com actividades fantásticas

Nas obras existe muita criatividade

que apenas se revela de forma camuflada

as obras são centros de genialidade

mas o mundo é cego e não vê nada

 

tags:
publicado por manu às 21:22
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De inoutyou a 5 de Maio de 2009 às 21:57

Amigo Emanuel

Tenho de estar em desacordo consigo (é a 1ª vez??), mas reconheço nesses artistas das obras grande criatividade sim. É ver interiores e exteriores das casas, nas nossas ruas, nos vários monumentos. Mas tenho de reconhecer que são vistos com alguma indiferença pela sociedade..
Mas não desanime

Abraço
Alex
De manu a 6 de Maio de 2009 às 18:08
Amigo Alex! É bom haver diversidade de opiniões mas creio que o amigo não entendeu o meu texto. Eu falo das capacidades escondidas em cada um de nós, e passo a exemplificar: Já conheci um canalizador que nas horas vagas toca Trompete numa banda de Jazz, a seu convite assisti a um concerto deles e deixe que lhe diga, foram arrasadores. Também lhe posso falar de um servente de pedreiro que nas horas de almoço desenhava retratos nossos quase parecendo fotografias. Posso dar muitos mais exemplos mas creio que com os dois que dei o Alex fica esclarecido. Abraço forte
De inoutyou a 6 de Maio de 2009 às 18:59

Amigo Emanuel,

Penso que percebi , e o que quis dizer também é que para além das capacidades de cada uma dessas pessoas mesmo fora do seu ofício habitual ( e eu conheço algumas com quem me dou bem), também os considero artistas no seu trabalho diário. E aí penso que a sociedade em geral não reconhece esse trabalho, esse gosto em transformar uma zona cinzenta, num espaço embelezado, como as paredes ou os tectos de qualquer casa ou monumento. Mas eu entendi e só quero que saiba que dou muito valor ao seu ofício (para além da sua escrita, claro)

Grande abraço
Alex
De manu a 6 de Maio de 2009 às 19:41
Alex! E que chatice seria se todos fossemos doutores Abraço.
De Breizh da Viken a 5 de Maio de 2009 às 22:37
Olá Emanuel,
Levanto-me e curvo-me perante este poema...és requintado, tens o teu dom...
Tens razão...mas também sabes que és excepção à regra! Atenção não estou a criticar... pelo contrário!


bjs

Breizh
De manu a 6 de Maio de 2009 às 18:14
Olá Breizh! Sabes bem que podes e deves criticar sempre que achares adequado. Quanto à questão de ser excepção à regra só concordo contigo por um simples aspecto; conheço muito pouca gente que faça da "cultura do EU" um modo de vida. Em relação ao texto posso dizer que é impressionante os talentos escondidos que se encontram nas obras. Há fadistas, malabaristas, músicos etc. ( e um poeta amador)

Beijos
De luabranca81 a 6 de Maio de 2009 às 15:24
Ola manu.

Muito bom.
Desculpa ma tenho andado desaparecida.
Tou na recta final do meu curso e não tenho tempo pra nada.
Vou tentando aparecer de vez em quando.

Beijos
De manu a 6 de Maio de 2009 às 18:17
Olá Catarina! É muito bom voltar a ter-te por aqui mas não faça disso obrigação. Primeiro trata dos teus objectivos e faz deles prioridade. Vou estar sempre aqui... Boa sorte neste final de curso. Beijos.
De Simbologia do aMoR a 6 de Maio de 2009 às 18:36
É bem verdade Emmanuel.
Cada um tem sua aptidão, aliás mais de uma aptidão.
E nem sempre as pessoas nos vêem como realmente somos, não nos dão valor.
"Vê cara e não vê coração" e fazem julgamentos.
Concordo contigo.
Bjos.
De manu a 6 de Maio de 2009 às 19:44
Olá amiga! Pois é... durante séculos foi-se enraizando nas sociedades esses preconceitos sociais ( entre outros) que não são nada benéficos. Beijo.
De Simbologia do aMoR a 7 de Maio de 2009 às 11:01
Pois é amigo...
Eu também digo-lhe que não tenho preconceito nenhum.
Mas há quem tem preconceito sim (muitos) que já senti na pele por mim, o proeconceito religioso.

Abraço.
De manu a 7 de Maio de 2009 às 17:47
Olá amiga! É por não ser preconceituoso mas ter as minhas próprias opiniões que eu me recuso a falar de política, religião e futebol. São três assuntos que geram sempre mal entendidos. Abraço.
De Simbologia do aMoR a 7 de Maio de 2009 às 23:08
E é verdade.
Mas veja bem, quando eu "falo" em Deus, não significa que Deus é religião. E há pessoas que entendem assim.
Deus pra mim só é apenas AMOR.

Bjos.
De manu a 7 de Maio de 2009 às 23:13
Olá Amiga! Seja qual for a crença ou religião, para mim o importante é a pessoa, neste caso você. Respeito sua forma de pensar, mas independentemente disso respeito você como pessoa, como mulher e como amiga. Beijos.
De Simbologia do aMoR a 8 de Maio de 2009 às 10:02
Oi Manulo

E eu agradeço, pois há pessoas que não vejam assim como você. E ter um amigo que pensa assim é uma dádiva. Por isso temos de preservar estas amizades.

Abraço.
De manu a 8 de Maio de 2009 às 15:25
Olá amiga! A nossa está preservada e protegida. Beijo.
De Simbologia do aMoR a 7 de Maio de 2009 às 22:48
Olá

Tentei responder voltar aqui, mas a internet estava com problemas.
Há muito e muitos preconceitos. Mas um dia as pessoas que os tem (não é meu caso), verão que eles estavam equivocados.

Um abraço.
De manu a 7 de Maio de 2009 às 23:15
Será impressão minha ou você está um pouco desiludida com algo que lhe aconteceu? Precisando sabe o que fazer. Beijos.
De Simbologia do aMoR a 8 de Maio de 2009 às 10:07
Oi Manulo
Desiludida eu? Não amigo, eu só sei que as antigas peças do puzzle quase se encaixaram. Pena que a última peça não está comigo.
Lembra quando escrevi sobre a simbologia. Pois bem, todas aquelas simbologias se completaram. A última, foi uma viagem à Fátima na 2ª. feira quando com aquelas velas nas mãos eu na minha fé, orei por toda a humanidade e pedi que aquele símbolo da luz da vela levassem luz aquelas pessoas. Pois agora vejo que tudo se clareia. Acho que entendeu não é SHP?

Abraço.
De manu a 8 de Maio de 2009 às 15:26
No fundo... fez-se luz...

Comentar post

.mais sobre mim

.contador

Counter Stats
gold coast link
gold coast link Couter

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários

.geocounter