Segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Momento (2009)

Palavras meigas

sussurros tranquilizantes

relaxamento e bem-estar

carícias, corações palpitantes

inconsciência momentânea

afagos, ombro solidário

alva pele, doce e suave

lábios sedentos, beijos molhados

ternuras partilhadas

 

Jovens sorrisos

olhos brilhantes, olhos focados

silhuetas que se impõem, difuso redor

olhares que se trocam

rostos que se conhecem

 

Desejos rubros, quereres da pele

ansiedades refreadas

paragem do tempo, instante prolongado

tremores e frémitos sentidos

pulsações exaltadas

 

Toque de pele na pele

luta corpo a corpo

respirações ofegantes

satisfação pelo cansaço, insistência na fadiga

feliz masoquismo

eternizar do prazer

 

Ai! Que saudade

 

tags:
publicado por manu às 20:24
link do post | comentar | favorito
|
14 comentários:
De Breizh da Viken a 25 de Maio de 2009 às 21:35
Olá Emanuel,

Outro tipo de registo... mas muito tocante, muito bem escrito...sedutor... com um final cortante...

O tempo não volta atrás...

Beijo

Breizh
De manu a 25 de Maio de 2009 às 22:16
Olá Breizh! Mais uma vez sempre simpática nos comentários, obrigado. Sim é verdade, o tempo não volta atrás e o melhor caminho é seguir em frente. Mas como humano que sou, bem ou mal , tenho de viver com memórias que não se apagam. Beijos
De Mírtilo MR a 25 de Maio de 2009 às 22:31
«Momento»... Tantos traços corporais e espirituais tão belamente descritivos!
Dois corpos solidários, impulsionados por dois iguais espíritos, a eternizar o prazer, qual feliz masoquismo, sentirão forçosa e docemente saudade se não se eternizarem também eles próprios na sua mais bela comunhão.
Um abraço, Manu.

Mírtilo
De manu a 26 de Maio de 2009 às 16:00
Amigo Mírtilo! Não há na vida momento mais sublime que o encontro de dois corpos que se complementam.

Momento de complementaridade
união de dois seres com desejos
aceitação de mútua felicidade
eternizar de paixão... ensejos

Abraço.
De Mírtilo MR a 25 de Maio de 2009 às 22:41
Há pouco quando comentei aqui o seu poema «Momento», esqueci-me de dizer que respondi ao seu comentário ao artigo «Eleições» do meu blogue no meu próprio blogue. Portanto, se quiser lá ir ler ...
Um abraço de novo.

Mírtilo
De manu a 26 de Maio de 2009 às 16:03
Amigo Mírtilo! Sou sempre informado pelo meu mensageiro sapo de cada vez que um comentário me é dirigido. Já o li e sim vou ao seu blogue pois acho que lhe devo um esclarecimento. Abraço.
De Simbologia do aMoR a 26 de Maio de 2009 às 17:36
Olá amigo Manulo!
Belo momento o meu!
De coragem, de valor, de humildade.
Mas acredito que ainda falta humildade a muita gente.
Não se condena uma pessoa sem antes perguntar-lhe se ela realmente cometeu o crime. Não acha?
Eu sempre soube das farsas. Só eu não sabia que era criminosa.
Espero que não tenha participado juntamente com os sanguessugas, os quais são muitos.
E desejo de coração que fiquem bem.
Mas a Lei Universal é uma só.
Ação e Reação!
Eu tive uma ação sem saber. E não perguntaram se eu a tinha cometido.
Obrigaram-me a confessar uma coisa que não tive culpa.
Aterrorizaram-me. Mas uma coisa é certa. A Reação virá.
Eu estava sendo vampirizada por pessoas há mais de um ano.
E ainda faziam dentinhos de vampiram como se eu é quem fosse.
Espero que não tenha sido um deles.
Boba fui eu de acreditar no se humano.
Bem diz na Bíblia Sagrada: "Maldito o homem que confia no outro homem".
Infelizmente eu confiei. E não sei porque tantas pessoas nos odeiam.
Eu vou tentar escrever meu livro sobe todas as coisas que vivi neste período todo, inclusive o período que estive aqui.
Alguns amigos seus sabem do que estou dizendo. Só não sei se você também sabia.
Se não sabe, não vou contar.
Contarei em livro. E quando este chegar aqui em Portugal, vocês saberão quem escreveu.

Grande abraço.

De manu a 26 de Maio de 2009 às 19:52
Olá amiga! Por muito que custe a muita gente eu não sou pessoa de andar a fazer intrigas nem estratégias de combate seja a quem for. Sou seu amigo porque quero e ninguém me pode obrigar ao contrário. Toda a história de que fala não a conheço por inteiro, aqui e ali vou "fisgando" uma e outra coisa mas o meu "estilo" de vida é outro. Quanto ao facto de haver amigos meus envolvidos nessa sua história, desconheço em absoluto e enquanto eu for tratado com respeito continuarão a ser meus amigos. Lamento, muito sinceramente, toda essa confusão e não me ocorre dizer outra coisa que não seja, viva a sua vida e deixe para lá tudo o resto. Quanto a mim continuarei a ser o mesmo, amigo dos meus amigos ( inclusive você), independentemente do que se passa entre vós. Toda esta história foge à minha compreensão e quero continuar nesta minha saudável ignorância. Estarei sempre aqui como seu amigo e espero que continue a visitar este meu espaço e a comentar a minha poesia, que é o que mais me interessa. Não serei júri nem jurado de toda essa história nem tomarei partido de ninguém. Desde que me respeitem, todos serão tratados por mim de modo igual e imparcial. Espero que em nome da amizade que me une a todos, não surja ninguém a querer que tome posição a favor de uns e contra os outros. Sou um homem integro que abomina as intrigas, joguinhos e cambalachos e sobre este tema não direi mais nada. Reafirmo uma vez mais que fui, sou e serei sempre seu amigo incondicional da mesma forma que fui, sou e serei amigo incondicional de todos quantos queiram a minha amizade. Abraço grande.
De Simbologia do aMoR a 26 de Maio de 2009 às 22:15
Eu lhe digo!
Furtaram meu blog com todos meus poemas.
Só não sei o porquê.
Entraram no meu pc e destruíram tudo que eu fiz, além disso, eu não tinha cópias.
Também infernizaram minha vida.E tem acontecido coisas estranhas comigo.
Estou ha vários dias sem dormir.
E até agora não entendi nada do que se passou.
É por isso que fiz comentário anterior.
Será que fiz algo errado que não sei!?
Gostaria de entender.

Abraço
De manu a 26 de Maio de 2009 às 23:10
Lamento o que aconteceu mas como sabe também eu tenho conhecimentos muito vagos nesta matéria. E como seu blog tem estado em privado nem seus posts tenho comentado. Apenas lhe posso dizer que se você se sente lesada pode sempre tentar as vias legais. Abraço.
De Simbologia do aMoR a 27 de Maio de 2009 às 14:59
Oi Manulo
Encontrei meu blog. Resolvi mudar de nome, acho que percebeu não?
Eu encontrei meu blog com fotografias que colocaram lá, e não são minhas. Fazendo gracejos comigo.
Isto tudo deixou-me doente.
Tenho uma consulta amanhã e devo ir a Lisboa em outro médico especialista em psicologia.
Meu estado é crítico. Acordo todos os dias na madrugada com suores nos pés e nas mãos, além de tremedeiras.
Os pensamentos vem a mil por hora na minha mente.
Não consigo controlá-los. É como se uma voz tivesse falando comigo e não consigo identificar quem é quem. Quem é o "traídor ".
Apesar que não gosto desta palavra "traídor". Só sei que tudo é estranho!
E sinto sinal de perigo para uma pessoa.
Mas esta pessoa que está em perigo, não sabe. Pois também foi traída. E quem usou o disfarce se passando por ela vai ter de contar a verdade.
Desculpe dizer isto, mas acho que você não entende o que digo.

Ps. Amanhã irei ao médico (clínico geral). Posteriormente vou a Lisboa consultar com especialista. Enviaram um recado do Br para que eu procure esta clínica especializada.
Não sei se já ouviu falar em "ALUBRATI". Já ouviu?
Pois é lá que vou tratar-me.
Quanto procurar vias legais...prefiro deixar como está. Deus sabe o que faz.

Fique bem. E é o que eu quero também para mim também.
Abraço.
De manu a 27 de Maio de 2009 às 16:40
Olá amiga! Espero sinceramente que seu estado de saúde melhore e que tudo se resolva como pretende. Abraço.
De Simbologia do aMoR a 27 de Maio de 2009 às 22:10
Eu só pretendo ficar bem.

Obrigada.
De manu a 28 de Maio de 2009 às 00:48
Vai ficar. Abraço.

Comentar post

.mais sobre mim

.contador

Counter Stats
gold coast link
gold coast link Couter

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários

.geocounter