Segunda-feira, 10 de Agosto de 2009

Tempo (2009)

O tempo pára, que somos?

Fantasias construtoras de um futuro ausente

Escrevemos poesia, bebemos utopias

Somos cálices prazenteiros de comunhão

Nesta vida vazia de sociedade apetecida

Deserto de cimento arquitectónico, selva arrumada

Suja de tanto ser passeada! Vivemos na jaula da cidade

Lá nos sabemos, lá nos conhecemos, lá nos escrevemos

O tempo urge, nada falece, nada se move

A clepsidra goteja

Quem fez o tempo parar?

Porque se ausentam as fantasias da esperança

Quem renega o valor da criatividade feliz e inovadora

Quem ousa impedir que descrevamos o mundo a nossos olhos

Quem controla o tempo?

Aquele tempo que impunemente nos foge pelos dedos

Deixando as nossas mãos alagadas em suores por escorrer

A quem convém a nossa obra suja e inacabada?

Quem é dono das mordaças que nos querem abraçar a boca

Quem é quem? Quem nos responde?

A ampulheta continua a esvaziar

 

Poema conjunto - Breizh da Viken

                               - Emanuel Lomelino

 

 

 

tags:
publicado por manu às 20:19
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De rosafogo a 11 de Agosto de 2009 às 00:32
Mas que bonito que saíu, parabéns aos dois poetas,

Resposta a poetas consagrados?
Quem? Eu sou poeta apenas a nascer?!
Tremem de medo os tempos, por vós falados
E a ampulheta continua a verter.
Continuem a obra inacabada
Antes que as mordaças
Vos cortem as palavras
Não deixeis a porta mal guardada
Que o tempo rouba a raiz das ideias
Procurem as respostas
Elas vos serão dadas.

Não saíu bem, tenho pena queria tanto,
Mas o vosso está magnífico e eu era mesmo isso que queria dizer-vos
natalia




De manu a 11 de Agosto de 2009 às 17:29
Olá Rosafogo! Modéstia à parte também acho que não ficou mal. Este é o segundo poema que faço em parceria (o primeiro foi com o Miguel Beirão) e, confesso que fiquei um pouco apreensivo sem saber se seria capaz de escrever ao nível da Breizh, ainda para mais num registo que ela domina tão bem. Obrigado pelas suas palavras, como sempre, cheias de motivação e força. Abraço grande, amiga
De Utopia das Palavras a 11 de Agosto de 2009 às 14:13
Um tempo partilhado
por duas mãos de vento
e de talento!

PARABÉNS, ficou lindo!

Beijo Maior
De manu a 11 de Agosto de 2009 às 17:35
Olá Ausenda!

E tudo aparece em desafio
uma proposta de poesia
deu nisto, assim surgiu
escreverei contigo um dia?

Então amiga? Pensei que estavas de férias.
Para quando um desafio destes vindo de ti? Acho que podia ser muito interessante. Pensa nisso.
Beijo Grande.
De Utopia das Palavras a 12 de Agosto de 2009 às 01:39
Estou de férias sim, mas sempre perto da poesia!
Manu, não sejas provocador, porque um dia, quando menos esperares...vais ter que "arregaçar as mangas" e dar asas à tua pena...e eu à minha!
Um dia...!

Beijo Maior
De manu a 12 de Agosto de 2009 às 11:48
Olá Ausenda!

Entretanto vou ganhando coragem
para estar à altura do teu calibre
acelerando a minha apredizagem
aí talvez minha técnica se equilibre

sinto-me como aprendiz de academia
onde se aprendem artes marciais
quem sabe, seguindo tua mestria
eu aprenda uns truques especiais

enorme este orgulho que tenho
por ter em vós, mestres valiosos
cheio de júbilo, não me contenho
ensinamentos assim são preciosos

Fico à espera desse feliz momento, entretanto, continuação de boas férias e aproveita ao máximo.

Beijo Grande
De Triskel a 11 de Agosto de 2009 às 22:04
Olá ...
Obrigada pelos comentários Utopia das Palavras e Rosafogo... mas quando se escrever com um poeta como o Emanuel as palvras fluem muito melhor! foi um desafio deveras interessante!


Beijo

Manu um muito obrigada pelo desafio a que nos propusemos... adorei esta experiência!

Beijo para ti
De manu a 11 de Agosto de 2009 às 22:27
Olá Breizh! Foi muito bom o desafio que me propuseste. Até pensei que ía ser mais complicado arranjar alguns versos que se encaixassem nos que me enviaste, mas parece que até não ficou nada mal, a ver pelos comentários aqui e nos teus espaços. Beijos
De Triskel a 11 de Agosto de 2009 às 22:34
Pois, temos que continuar...


eheheheheh
De manu a 11 de Agosto de 2009 às 22:43
Que seja o primeiro de muitos mas sem caretas se fazes o favor. Eu sei que os poetas têm fama de excêntricos... mas assim?
De Triskel a 11 de Agosto de 2009 às 22:54
Ai...
De manu a 11 de Agosto de 2009 às 23:00

Comentar post

.mais sobre mim

.contador

Counter Stats
gold coast link
gold coast link Couter

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários

.geocounter