Terça-feira, 1 de Setembro de 2009

A Maria João Brito de Sousa (2009)

A ti poetisa porque Deus quis

eu te falo com doçura na voz

exalto as tuas belas raízes poéticas

enalteço o talento de gerações passadas.

De ti poetisa porque Deus deseja

eu aprendo o que é ser poeta

e revejo o sentimento

que apenas os poetas têm.

Para ti poetisa porque Deus permite

eu quero que escrevas ainda mais

quero que nos delicies com teu talento

e nos faças sonhar

ao sabor da tua poesia

dos teus soberbos sonetos.

A ti poetisa porque Deus consente

eu quero dizer palavras de louvor

mas não há adjectivo que te sirva

nem verbo que te descreva.

Para ti poetisa porque Deus acredita

eu deixo a minha gratidão pela mestria

pelos ensinamentos e pelos conselhos.

Em ti poetisa porque Deus aceita

eu sempre quero ver e sentir

a tua alma poética

a alma de...

Poeta Porque Deus Quer.

tags:
publicado por manu às 01:29
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De Mírtilo MR a 2 de Setembro de 2009 às 15:30
Manu:

Que grande e lindo louvor à Maria João (Poetaporkedeusker)! Louvor deveras merecido. Ela é, também a mim parece, uma força, uma alma, uma figura com mestria, da Poesia, dando-nos o seu belo trabalho poético, que nos encanta e nos deixa também encantados por ela, a Poetisa.
Belo e merecido louvor este à Maria João!
Agora, a minha admiração e louvor também a si, Manu, por este seu laudatório poema, poema belo e bem conseguido, também próprio de alguém que Deus quer que seja Poeta, igualmente para nos deliciar e encantar com tão sensibilizantes e maravilhosas obras poéticas, também feitas com tanta facilidade e tanta mestria.
Manu, bem que eu gostaria de ser o autor deste poema a louvar a Maria João, quer pelo poema em si, quer pelo reconhecimento e humildade com que diirige o louvor que o poema encerra.

Um abraço.
Mírtilo
De manu a 2 de Setembro de 2009 às 21:33
Amigo Mírtilo! A nossa amiga Maria João tem sido uma inspiração para mim, não só pela linda poesia mas também pelo exemplo de tenacidade e coragem perante as adversidades.
Sinto-me deveras lisonjeado pelas suas palavras. Nunca é demais dizer - tenho dito repetidamente - que estes comentários são bastante motivadores. Obrigado.
Um forte abraço.
De poetaporkedeusker a 2 de Setembro de 2009 às 15:59
Manu, nem sei como lhe agradecer! Sei que não mereço tanto... cometo - infelizmente - os meus erros e, muitas vezes, nem dou por eles. Sou um bocadinho tonta e apressada no que faço. Um muito obrigada a si, Amador do Verso! Este carinho todo sabe que nem mel a quem acaba de chegar do hospital toda picadinha das análises! :)
Um abraço ENORME!
De manu a 2 de Setembro de 2009 às 21:37
Olá Poetisa! A amiga tem sido uma inspiração não só pela mestria da sua poesia mas também pelos seus constantes exemplos de tenacidade e coragem perante as muitas adversidades que a vida lhe tem colocado à frente. Aceite este meu poema como um forte sinal de estima e amizade que tenho por si. E como a amizade não se agradece... desfrute. Um abraço muito grande e rápidas melhoras.
De poetaporkedeusker a 3 de Setembro de 2009 às 14:35
Apetece-me dar-lhe um abraço de verdade!
De manu a 3 de Setembro de 2009 às 21:06
Olá poetisa!

Este comentário merece atenção especial
por isso aqui deixo esta quadra irrisória
já sinto esse abraço apertado, sensacional
momento da virtualidade que fica na memória

Bem apertado esse abraço.
De poetaporkedeusker a 4 de Setembro de 2009 às 14:35
E eu que nunca esperei
Estar, assim, pronta pr`á festa!
Os abraços que eu já dei
Apesar de estar "não-presta"!
De manu a 4 de Setembro de 2009 às 20:39
Olá poetisa!

Com esse humor já gargalhei
agora fez-me rir de verdade
ri-me tanto, quase engasguei
e ainda não perdi a vontade

É bom senti-la assim bem disposta. Abraço grande.

Comentar post

.mais sobre mim

.contador

Counter Stats
gold coast link
gold coast link Couter

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários

.geocounter