Sexta-feira, 20 de Fevereiro de 2009

Sim! Escrevo VIII (2009)

Começo a ficar muito repetitivo

sinto esta urgência, necessidade

de exprimir toda a minha vontade

e explicar bem o meu real motivo

 

escrevo poesia, ou vou tentando

poemas livres ou mesmo sonetos

temas interessantes ou obsoletos

deste meu modo vou versejando

 

será que é dom? Não penso assim

é simplesmente paixão, acreditem

apenas escrevo sobre o que eu sei

 

o que penso está escrito por mim

só peço que reflictam e meditem

a poesia devia ter a força de lei

 

tags:
publicado por manu às 20:04
link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De rosafogo a 20 de Fevereiro de 2009 às 22:36
Não concordo!

De ramo em ramo, sempre a cantar
Palavras cheias de vida e emoção
Gotas de água que caiem no coração
De quem passa para visitar

Abraço
De manu a 21 de Fevereiro de 2009 às 19:15
Olá Rosafogo!

Simpatia de palavras proferidas
contra uma real constatação
demasiadas vezes repetidas
tema alicerce, eterna convicção

Abraço
De carlos henriques a 20 de Fevereiro de 2009 às 22:59
Boa noite amigo.

Completamente de acordo "a poesia devia ter a força de lei"

Bom fim de semana

[[abraço]]
De manu a 21 de Fevereiro de 2009 às 19:19
Amigo John!

Se na lei fosse consagrada
a poesia teria outro encanto
mas por ela não se faz nada
daí este meu lamento, pranto

Abraço. Bom fim de semana
De Maria João Brito de Sousa a 21 de Fevereiro de 2009 às 00:09
Hoje não posso entrar na desgarrada, Manu... a Lupa está mesmo a precisar de muita atenção. Venho só deixar o meu testemunho. Eu sou daquelas para quem a poesia teve, mesmo, a força da lei! Foi, em grande parte, o "cimento" com o qual fui construída.
Abraço grande! :)
De manu a 21 de Fevereiro de 2009 às 19:23
Olá poetisa!

não há desgarradas todos os serões
os guerreiros merecem descansar
a poesia faz grandes construções
que mais pode a poesia nos dar?

Abraço.
De Maria João Brito de Sousa a 21 de Fevereiro de 2009 às 21:16
Amigo, estou tão contente!
Acabam de me informar
Que há mais um blog presente
Com Poetas a cantar! :)

http://appoetas.blogs.sapo.pt/

Abraço grande!

De manu a 21 de Fevereiro de 2009 às 21:41
Pelo seu contentamento
devem enaltecer a poesia
celebrarei este momento
vindo de si só contagia

Abraço.
De rosafogo a 21 de Fevereiro de 2009 às 00:29
Estou perturbada, e a necessitar me explicar,

A minha não concordância
é toda com o primeiro verso
Eu acho, talvez por ignorância
que repetitivo é rezar o terço.

Ainda que assim fosse a poesia é sempre para ser
amada , pelo iguais, mesmo que não interesse aos demais.



De manu a 21 de Fevereiro de 2009 às 19:29
Esta paixão é mesmo forte
nada a pode enfraquecer
ao menos tenho esta sorte
de na vida poder escrever

Abraço.

Comentar post

.mais sobre mim

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários
blogs SAPO

.subscrever feeds