Quarta-feira, 19 de Agosto de 2009

Na minha vida (2009)

Na escuridão desta minha vida

tu poderias ter sido o Sol

iluminando a minha existência

dando algum brilho a esta opacidade.

Na angústia desta minha vida

tu poderias ter sido o conforto

apertando-me em teus lúcidos braços

oferecendo amparo no meu desequilíbrio.

Nas dúvidas desta minha vida

tu poderias ter sido o esclarecimento

exercendo sobre mim algum domínio

facultando-me as melhores decisões.

Nos medos desta minha vida

tu poderias ter sido a segurança

afastando de mim todos os temores

cedendo a coragem que me falta.

Na tristeza desta minha vida

tu poderias ter sido a alegria

festejando o amor perfeito

deliciando-me com a tua felicidade.

Na solidão desta minha vida

tu és a minha maior ausência

ocultando-me do teu coração

desconhecendo o meu amor por ti.

No dia a dia desta minha vida

tu és um pensamento constante

teimando em me fazer sofrer

permitindo que apenas viva.

Nesta minha vida

tu és saudade

trazendo-me dor

impedindo-me de ser feliz.

 

tags:
publicado por manu às 18:00
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Triskel a 19 de Agosto de 2009 às 18:20
Olá,

A Felicidade conquista-se ao poucos, luta-se por ela, e se num lado não é possível, luta-se contra marés e tempestades... procura-se abrigo! aceitamos o abrigo que nos dão, mesmo que não seja o perfeito, num dia pode-nos parecer que não, no outro será melhor e quem sabe se no seguinte será entao ...
A dor quando bate dói muito eu sei, mas não nos podemos entregar a ela, não podemos magoar outros que estão em nosso redor, ignorá-los! Os outros também têm sentimentos, os outros também sofrem...
Ainda poderás ter uma hipotese, falar, vai, voa encontra-a e fala tudo o que aí tens guardado... mas não te castigues mais! Ocorre-te que eventualmente poderás também estar a magoar outras almas...
Desculpa este enorme comentário, mas acho que como tua amiga também tenho uma palavra a dizer-te... não gosto de ver os meus amigos de orelhas caidas! a havia muito por dizer...
De manu a 20 de Agosto de 2009 às 02:22
Olá Breizh! Bolas amiga, que grande discurso. Agradeço os teus conselhos mas desde sempre que me habituei a pensar pela minha própria cabeça e assim resolver as situações que a vida me coloca. Se estou certo ou errado nunca me preocupei. No fim, aqui estarei para sofrer ou beneficiar das consequências e os erros fazem-nos crescer. Obrigado pela preocupação demonstrada. Beijos

Comentar post

.mais sobre mim

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários
blogs SAPO

.subscrever feeds