Domingo, 15 de Novembro de 2009

O fim (2009)

Soa o alarme, ouvem-se as trombetas

agora são exactas as ideias obsoletas

ferve o mundo num frenético reboliço

soldados em paz limpam as escopetas

nos bastidores aglomeram-se silhuetas

alerta! O planeta sofre de um enguiço

 

A mãe natureza já sofreu em demasia

transmitiu todos os avisos que podia

mas o homem recusou o compromisso

dificilmente vislumbraremos melhoria

e agora espera-nos um fim em agonia

a humanidade pagará bem caro por isso

 

tags:
publicado por manu às 16:00
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Utopia das Palavras a 18 de Novembro de 2009 às 16:38
O Homem a si próprio se destroi
Ganância cega e sem medida
Do tão pouco que constroi
Fica a humanidade esquecida!

Para reflectir...sempre! Gostei do ritmo da poesia!

Beijo Maior

De manu a 18 de Novembro de 2009 às 22:54
Olá Ausenda!

Por cada árvore abatida
esvai-se o ar desta vida
mas o homem nada faz
quando não houver saída
com a natureza já perdida
então o homem se satisfaz

É uma caracteristica humana dar mais importância ao fútil do que ao essencial. Beijo Grande.



Comentar post

.mais sobre mim

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Licença poética - convite

. Vida (inédito)

. Incansável

. Parei o tempo

. Ad aeternum

. Convite a todos os que qu...

. Diz-me (2010)

. És aquela que mais amo - ...

. 2 ANOS

. Sê apenas criança (2010)

.arquivos

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.pesquisar

 

.links

.mais comentados

38 comentários
36 comentários
32 comentários
28 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários
21 comentários
blogs SAPO

.subscrever feeds